domingo, agosto 22, 2010

From Vilnius, with love

E mesmo que em surdina, quando me sopras ao ouvido, nunca o meu coração fora assim tocado. Chega mesmo para acordar os mortos.


2 comentários:

bruxinha disse...

Hoje apeteceu-me passar por aqui e dizer duas coisas:
- É sempre um prazer espreitar o(s) teu(s) cantinho(s) e deleitar-me com as tuas palavras e as tuas escolhas, de verdade:)
- Gosto de ti. Assim. Só assim:')*

Claudia disse...

babe!

criei outro blog!

vamos a ver quanto tempo dura ... --''

e esse super passeio pela europa?

espero que esteja tudo bem!
Beijinho

Lau (para facilitar - amiga da filipa eheh)